Home » O que você precisa saber antes de mudar para um condomínio

O que você precisa saber antes de mudar para um condomínio

Publicado em 30 de março de 2022

Antes de se mudar para um apartamento ou um condomínio é essencial conhecer as normas de boa convivência locais, para evitar transtornos com vizinhos ou mesmo incompatibilidade com a rotina do novo endereço.

Imagine, por exemplo, que dor de cabeça seria chegar a um prédio onde não são permitidos animais de grande porte, quando você possui um mascote com este perfil? 

Uma primeira dica para escolher um imóvel para comprar ou alugar, portanto, é listar o que considera ser essencial que exista ou seja aceito em seu condomínio, levando em conta, além de animais de estimação, questões como segurança, espaços de lazer e regras de convivência. 

Leia mais sobre: Direitos e deveres do condômino 

Para ajudar nessa elaboração, criamos um checklist que permite filtrar pontos positivos e negativos de determinado lugar, que podem ser determinantes na escolha de onde morar. Perguntas básicas a serem feitas são: 

  1. Quais são as regras para execução da mudança? 
  2. Como é feita a segurança local? Qual sistema de monitoramento é usado? 
  3. Animais de estimação são permitidos? Se sim, quais são as normas para a circulação deles nas áreas comuns do condomínio? 
  4. O uso da garagem é limitado? A garagem é compartilhada? 
  5. Há um regulamento para a utilização de espaços de lazer como piscina, salão de festas e churrasqueiras que possa ser consultado? Quem pode ter acesso a essas áreas? 
  6. São permitidas obras no local? Se sim, quais são os horários e outros limites? 

Com essas informações em mãos, já é possível ter um melhor entendimento sobre o possível futuro lar, consciente das vantagens e desvantagens do local. Outros itens, porém, podem ser acrescentados de acordo com os interesses de quem pesquisa. 

Leia mais: Seu condomínio é um lugar seguro? 

É importante ressaltar que a segurança deve constar na lista de prioridades. Locais que não têm estrutura com alarmes, câmeras, portaria remota nem prevenção de delitos, por exemplo, podem representar uma ameaça para a proteção da família.
 

Conteúdo produzido por BRZ Content 

Deixe um comentário

Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Artigos mais visitados

7 Tendências para o mercado de segurança em 2022

7 Tendências para o mercado de segurança em 2022

Como você já deve ter percebido, a pandemia acelerou a digitalização das...
Bicicletas em condomínio: o que você deve saber

Bicicletas em condomínio: o que você deve saber

O número de bicicletas em condomínio aumentou e os dados comprovam. Segundo...

    Fale conosco


    Contatos

    Entre em contato através dos
    números abaixo

    Copyright 2021 - Alarm Wolx
    (11)991587233